O Facebook introduziu transferência financeiras entre usuários dentro do Messenger no início de 2015, mas hoje a empresa foi além e anunciou que o recurso também está se expandindo para grupos. O recurso de pagamentos funciona basicamente da mesma forma em grupos que em conversas individuais, mas agora permite que o usuário pague a todos no grupo ou a uma pessoa individualmente por meio de um clique no ícone de pagamentos (o sinal de dólar).

pagamentos facebook messengerO Facebook acredita que o novo recurso será útil para grupos onde todo mundo está participando de uma compra – como um presente coletivo – ou está dividindo uma conta de restaurante. Estas são áreas onde as pessoas hoje ainda tendem a recorrer a serviços de pagamento autônomo, como PayPal e soluções nacionais como o PicPay.

Além de enviar pagamentos para outros membros do grupo, você pode solicitar pagamentos do grupo diretamente no seu bate-papo. Você também pode incluir uma nota dizendo a razão da solicitação (por exemplo, “pizza”) antes de cobrar os membros de uma conversa de grupo.

Pagamentos é uma área de negócios do Facebook que não vinha recebendo tanto foco ao longo dos anos, apesar do potencial da rede social para coletar e armazenar dados de pagamento para sua imensa base de usuários – informações estas que poderiam ser utilizadas em outras áreas do empresa – como jogos ou e-commerce, por exemplo.

É notório que a empresa tem hesitado em reconhecer plenamente suas ambições com pagamentos, tendo enfatizado no lançamento dos pagamentos no Messenger que “não estava construindo um negócio de pagamentos.” Em vez disso, o objetivo era simplesmente tornar o Messenger mais útil.

No entanto, os pagamentos são um recurso crítico para os aplicativos de mensagens de hoje. Os concorrentes do Facebook Messenger – como o WeChat da China – já suportam pagamentos no aplicativo. O Kik, outro concorrente detalhou neste mês suas intenções de adicionar pagamentos a seu próprio aplicativo, também.

Está novidade veio justamente na mesma semana que o Facebook foi destaque de notícias internacionais por romores de que está preparando o lançamento de pagamentos digitais na Índia dentro do WhatsApp, empresa que é dona.

Infelizmente os pagamentos de grupo ainda estão restritos ao território americano. O recurso está disponível no Android e na área de trabalho inicialmente.

Comentários